Septoplastia em Curitiba – Cirurgia de Desvio de Septo

Septoplastia:  saiba como é feita a cirurgia de desvio de septo em Curitiba

A septoplastia é a cirurgia indicada para quem tem desvios de septo. Essa malformação que acontece entre o osso e a cartilagem que separam as narinas, pode ocasionar obstrução da passagem de ar. Dessa forma, o paciente pode ter dificuldade de respirar pelo nariz, rocar e ter sangramentos nasais.

Quer entender mais sobre a cirurgia de desvio de septo? Neste texto vamos explicar tudo sobre o assunto. Primeiramente, vamos explicar quais são as condições para o procedimento, o que é desvio de septo e como ele se forma. Logo depois, mostraremos quando a cirurgia é recomendada e quais são os cuidados pré e pós-operatórios.

cirurgia de desvio de septo em curitiba septoplastia
Cirurgia de desvio de septo em Curitiba (Septoplastia)

O que é desvio de septo?

O septo nasal é construído por mucosas, ossos e cartilagem que separam as duas narinas. Quando a separação entre as duas cavidades nasais não é idêntica, podemos definir a malformação como desvio de septo nasal.

Embora esse problema não seja relevante para a saúde do paciente, em alguns casos o desvio de septo nasal pode provocar diferentes graus de obstrução nasal. Assim o paciente passa a apresentar alguns sintomas como sangramentos, dificuldade de respirar pelo nariz e ronco.

Como se forma o desvio de septo?

O desvio de septo pode ser formado desde antes do nascimento do indivíduo(distúrbio congênito). Ele pode também se manifestar na infância e adolescência, quando os ossos da face estão se desenvolvendo. Além disso, o desvio pode ser resultado de cirurgias e traumatismos (como acidentes de carro e queda). Ou ainda resultado de infecções, alergias e outras doenças crônicas.

Quer entender mais sobre desvio de septo? Então acesse o artigo Desvio de septo: saiba o que é, as causas sintomas e tratamento.

Quais são os sintomas?

Os sintomas de desvio de septo que podem atrapalhar a qualidade de vida do paciente são:

  • Apneia de sono;
  • Ronco;
  • Cansaço excessivo;
  • Dificuldade de respirar pelo nariz;
  • Sangramento pelo nariz;
  • Dor de cabeça ou no rosto;
  • Nariz entupido.

Quando a septoplastia é recomendada?

A septoplastia não é indicada para todo o paciente que sofre com desvio de septo. Somente quando os seus sintomas atrapalham a rotina do paciente é preciso realizar a cirurgia de septo que pode remover parcialmente os ossos ou somente o excesso dessa estrutura nasal.

Quais são os cuidados pré-operatórios?

Antes da realização da cirurgia de septo, o paciente precisará passar por uma série de exames de imagens e laboratoriais. Logo depois, o médico avalia todos os exames e decide se a cirurgia é realmente necessária e se há a possibilidade de complicações.

Como o procedimento é realizado?

Para a cirurgia de septo, o paciente precisará utilizar anestesia local ou geral. Após a sedação, o otorrinolaringologista faz uma pequena incisão no nariz do paciente para deslocar a mucosa que recobre o osso e a cartilagem. Feito isso, o cirurgião removerá a deformidade e tornará o septo o mais reto possível.

Quais cuidados pós-procedimento?

Após o procedimento, o paciente poderá ou não permanecer internado, isso depende do grau de dificuldade da cirurgia e da condição clínica do paciente. Além disso, o médico orientará o paciente a ter os seguintes cuidados:

  • Realizar lavagem nasal com soro fisiológico;
  • Dormir com o dorso elevado sem tocar o nariz no travesseiro;
  • Não praticar exercícios por 30 dias;
  • Fazer repouso após a cirurgia;
  • Evitar exposição solar e ambientes muito quentes;
  • Tomar os medicamentos prescritos.

Ao tomar esses cuidados, o paciente consegue se recuperar totalmente da cirurgia em até 30 dias. Além disso, caso haja alguma recomendação específica o médico indicará para o paciente.

Ao longo deste texto explicamos tudo sobre a septoplastia. Dissemos que a cirurgia é indicada para quem tem desconfortos frequentes relacionados ao desvio. Logo depois, mostramos quais são os cuidados pré operatórios, como é feito o procedimento e quais são os cuidados pós-operatórios.

Gostou de entender mais sobre o assunto? Então não deixe de acessar outros artigos do nosso site!

Abrir Whatsapp
1
Agende sua consulta
Clique abaixo para saber mais detalhes pelo WhatsApp.